Banner Principal

Alimento Espiritual: Artigos e Formação

:: Canais / Família e Matrimônio

113 ST - Como está a sua vida conjugal diante de Deus?

- Imprimir artigo

 

A prioridade na vida conjugal imatura, complicada, ineficaz é egoísta, egocêntrica, em função do Eu. A prioridade na vida conjugal madura, plena, eficaz é altruísta, em função do Tu. E em conseqüência, quando amadurece a cumplicidade conjugal, os dois se tornam uma só carne, com uma única vivencia conjugada em Deus vivem em função de um real Nós.

Para se chegar a esta plenitude é preciso cuidar da quantidade e da qualidade dos atos sexuais.

A quantidade de atos sexuais ou a freqüência sexual varia de casal para casal, ou melhor, de pessoa para pessoa, como também varia em função da qualidade do relacionamento conjugal. Normalmente, os casais têm sexo duas ou três vezes por semana. Mas há pessoas mais afoitas, de freqüência de dias alternados, freqüência diária, ou duas vezes por dia. Como também há pessoas mais tranqüilas de freqüência semanal, quinzenal ou mensal. Sendo necessário que o casal converse sobre o assunto da freqüência da vida sexual de cada um e façam um ajuste da freqüência sexual conjugal que satisfaça a ambos.

Os casais têm uma vida conjugal acertada na sua freqüência após os primeiros 3 anos de vida conjugal. Se isto não ocorre, então precisam de ajuda profissional de um psicólogo para evitar os atritos conjugais por causa de freqüência sexual.

A qualidade da vida conjugal é definida na atuação dos papeis comportamentais dos dois cônjuges, como amigos, amantes, sócios com reciprocidade, para se tornarem uma só carne, para conjugar a vida a dois como uma única vida. Mas, no que consiste os casais serem amigos, amantes, sócios? De ser cônjuge amigo se espera a confidência recíproca, o desabafo, o dialogo profundo, o socorro recíproco, a ajuda de enfermagem, o apoio moral em tudo. Deser cônjuge amante se espera que proporcione o amor, a ternura, a alegria, o prazer sexual, o êxtase, o gozo sexual simultâneo e o bom humor. De ser cônjuge sócio se espera a parceria plena, a cumplicidade em todos os projetos de vida, principalmente a educação dos filhos que é a missão do casal. Parceria conjunta econômica, social, intelectual, emocional, espiritual.

O ato sexual é qualitativamente executado em três fases distintas:

 

 

Ato Sexual

 

 

1ªFASE

2ª FASE

3ª FASE

SOCIAL

PSICOLÓGICA

BIOLÓGICA

Cântico dos Cânticos 3

Cântico dos Cânticos 4 a 7

Cântico dos Cânticos 8

Órgãos dos sentidos

Corpo todo

genital

diálogo

carinhos

Abandono entrega.

Busca do outro, paquera.

namoro

acasalamento

Local aberto

Local fechado

Ninho, cama.

Sem compromisso de sexo

Com compromisso de sexo

Exige continuidade

           

           

           

           

           

LITURGIA DA PALAVRA

LITURGIA EUCARÍSTICA

COMUNHÃO

VIA PURGATIVA

VIA ILUMINATIVA

VIA UNITIVA

 

1- A fase Cabeça: do dialogo, com verso e prosa, com perfume, com aprontar-se, com musica, com flores e decoração do ambiente.  A primeira fase do ato sexual é social por isso, no início de cada relacionamento heterossexual, o diálogo é imprescindível. O encontro ocorre através dos órgãos dos sentidos e trata-se da busca de um pelo outro, chegando sem perceber ao ato sexual. A comunicação verbal predispõe para a ternura, carinhos e carícias que levam à excitação e ao prazer.

2 - A fase Coração: da ternura, da declaração de amor, do aconchego, do carinho, da caricia. A segunda fase do ato sexual é psicológica. O namoro conjugal torna-se mais íntimo, com carinhos, demonstração de afeto, com declaração de amor, normalmente em um local fechado. É o jogo do amor, que leva à fascinação, uma busca alternada um do outro, com ritmo crescente, em que se usa o corpo todo, em interação harmoniosa de entrega e doação. As pessoas preparam-se para um abandono de si mesmas, para a autotranscendência e a procura exclusiva do outro, do Tu.

3 - A fase Comunhão Sexual: prazer, gozo e orgasmo sexual simultâneo. A terceira fase do ato sexual é biológica. Quando o homem e a mulher encontram-se genitalmente e o Espírito Santo paira sobre o casal sacramentado. Restabelece a Trindade: Deus homem e mulher. Cada carinho que o esposo faz em sua esposa Deus toma como se fosse para Ele. Da mesma forma, cada carinho que a esposa faz em seu esposo Deus recebe como se fosse para Ele. Vale como oração, pois entre eles há uma ligação sacramental.

 

Juracy Villares

Do livro: “Vocação: uma vida encantada com Deus!”

Copright 2002 - 2006. Comunidade Missionária Santíssima Trindade - Todos os direitos reservados