Banner Principal

Alimento Espiritual: Artigos e Formação

:: Canais / Espiritualidade

Nosso Deus é Comunidade!

- Imprimir artigo

Do livro: “Vocação: uma vida encantada com Deus!” de Juracy Villares.
Deus disse: “Façamos o homem à nossa imagem e semelhança” (Gênesis 1,26). Façamos o homem. Façamos?! ...Nós, quem? ...Nós Deus!
Nosso Deus é Comunidade! A Santíssima Trindade é uma comunidade. Três pessoas em um só Deus. Nosso Deus é Trindade, onde Deus Pai exerce sua Inteligência Criadora; Jesus Cristo é a Palavra Encarnada que expressa amorosamente a inteligência e os planos do Pai; O Espírito Santo é o Sopro, o Hálito Divino, que acompanha a palavra, o verbo. É o amor entre o Pai e o Filho que explode em criação. Nós (os homens) somos a missão da Trindade.
Tudo isto faz parte do grande chamado à Santidade, ou seja, o treinamento para morar na Trindade. A Santíssima Trindade é uma comunidade.

Uma comunidade pode ser representada por um triângulo eqüilátero ou uma figura geométrica sólida chamada trindade (composta de três lados e a base). A comunidade é constituída de dimensão noética ou espiritual, de dimensão de autoridade, de dimensão operacional e de dimensão de missão.

A dimensão de autoridade coordena a comunidade, lança os objetivos, dá a perspectiva a seguir, ensina, testemunha o espírito da comunidade com a vida, propõe metas, delega funções, fiscaliza, corrige os erros, estimula os elementos a agirem conforme a dimensão espiritual e a missão a que se propõem.
A dimensão operacional faz funcionar a comunidade, executa a proposta, elabora a missão, age em sintonia com a coordenação da autoridade, acolhe e relaciona a comunidade com o meio externo, testemunha o espírito da comunidade.
A dimensão de missão recebe e se beneficia da comunidade, obedece à autoridade, aprende a colaborar, é supervisionado, é o feed-back para a comunidade, evidencia seu sucesso.
Deus Pai é a Inteligência Criadora, portanto a dimensão noética espiritual da Trindade: criou os planos, projetos espirituais. “Naquela mesma hora Jesus exultou de alegria no Espírito Santo, e disse: Pai, Senhor do céu e da terra, eu te dou graças porque escondeste estas coisas aos sábios e inteligentes e as revelastes aos pequeninos. Sim, Pai, bendigo-te porque assim foi do teu agrado. Todas as coisas me foram entregues por meu Pai. Ninguém conhece quem é o Filho, senão o Pai, nem quem é o Pai, senão o Filho, e aquele a quem o Filho o quiser revelar” (Lucas 10,21-22).
Jesus é a autoridade, é o Senhor: “Por isso Deus o exaltou soberanamente e lhe outorgou o nome que está acima de todos os nomes, para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho no céu, na terra e nos infernos. E toda língua confesse, para a glória de Deus Pai, que Jesus Cristo é Senhor” (Filipenses 2,9-11).
O Espírito Santo é quem opera os planos do Pai, é a dimensão operacional: “Há também diversas operações, mas é o mesmo Deus que opera tudo em todos. A cada um é dada a manifestação do Espírito para proveito comum” (I Coríntios 12,6-7).
Nós somos a missão: somos o chão dessa comunidade, dessa Trindade. O céu é morar dentro de Deus Trino, com Eles, Neles. Nossa Senhora é nossa esperança. Ela é o ser humano que primeiro experimentou o que nos espera como Igreja. “Não se perturbe o vosso coração. Credes em Deus, crede também em mim. Na casa de meu Pai há muitas moradas. Não fora assim, e Eu vos teria dito; pois vou preparar-vos um lugar” (João 14, 1-2).
Ser “Javezinho” é viver plenamente aqui, com esta visão escatológica, nesta esperança.

Juracy Villares

Comunidade Missionária Santíssima Trindade

Copright 2002 - 2006. Comunidade Missionária Santíssima Trindade - Todos os direitos reservados